Este site usa cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website concorda com o seu uso. Para saber mais leia a nossa Política de Cookies.

Líderes a uma voz na transição energética

Líderes a uma voz na transição energética

Vivemos uma revolução no que diz respeito à descarbonização e à queda dos custos da energia renovável. O caminho para um mundo mais sustentável está traçado e já são muitos os que o seguem. O EDP Business Summit reúne hoje à tarde vozes de especialistas que nos traçam o estado do setor energético.

Se estamos no caminho certo para cumprir os objetivos do Acordo de Paris de limitar o aumento da temperatura a 1,5ºC, é preciso acelerar os esforços. E porque a maior causa do aquecimento global é a quantidade de dióxido de carbono lançado para a atmosfera pela atividade humana, estas emissões devem ser severamente reduzidas, para prevenir mudanças climáticas catastróficas. “As emissões de carbono, que são o principal fator que contribui para o aquecimento global, constituem atualmente 60% da nossa pegada ecológica. E o setor elétrico é uma indústria-chave que os países estão a procurar descarbonizar”, reforça Michael Phelan, CEO, Co-Founder da GridBeyond e um dos oradores da EDP Business Summit 2021 – Leaders and Corporations committed to the Energy Transition, um evento digital com inscrição gratuita que decorre já esta tarde, com organização da EDP Comercial.

Cidades sustentáveis

A eletrificação da energia – depender cada vez menos de combustíveis fósseis e passar a depender de eletricidade limpa – é, efetivamente, um dos principais fatores que está a sustentar a mudança na matriz energética. Calcula-se que, em 2050, cerca de 70% da população mundial deverá viver em áreas urbanas e 50% do consumo total de energia final será de eletricidade. A grande questão, porém, não é apenas descobrir novas formas de produzir e consumir energia, mas massificar o seu consumo, conforme lembra António Coutinho, presidente da EDP Inovação. “Para, em 2050, chegarmos à neutralidade carbónica, grande parte das tecnologias, nomeadamente associadas à energia, são conhecidas. O grande desafio é escalarmos a sua adoção de forma muito generalizada e mudarmos a tecnologia.” É aqui que entra a inovação ao serviço da sustentabilidade. “Temos de ser inovadores a garantir que este processo é mais rápido, é mais fácil de ser adotado pelos clientes e que há modelos de negócio, que não sejam só a venda, que acelerem o processo de adoção”. Sanda Tuzlic, diretora executiva dos serviços de transição energética da Accenture – que estará igualmente presente no fórum da EDP– reforça a importância de se pensar no consumidor, seja empresa ou particular: “Estamos, como nunca, a ver clientes cada vez mais motivados pela sustentabilidade, e as empresas, no ecossistema de energia e não só, estão a sentir uma forte pressão para agir. Além disso, conforme as tecnologias sustentáveis ​​evoluem e amadurecem, os clientes serão cada vez mais motivados pelo próprio negócio: a sustentabilidade faz cada vez mais faz sentido, não só social e ecologicamente, mas também financeiramente.”

Mobilidade urbana elétrica

Uma área central e com elevado impacto da tendência para a eletrificação da energia é a da mobilidade elétrica e, nos principais mercados de energia, a eliminação progressiva dos motores de combustão interna a favor dos veículos elétricos tem sido apoiada por iniciativas de redução de emissões e criação de redes de mobilidade urbana. Para a EDP, a mobilidade elétrica é um pilar chave da sua estratégia de liderança da transição energética. “E abre a possibilidade de estarmos junto dos nossos clientes também em novos mercados da mobilidade (…) desde o momento em que pensam na aquisição de um veículo elétrico, até ao seu carregamento em casa, na empresa ou na via pública, e na forma como esta experiência deve estar integrada num ecossistema digital”, adianta Pedro Vinagre, administrador da EDP Comercial. E, segundo Roger Atkins, fundador da consultora ‘Electric Vehicles Outlook’, surgem cada vez mais argumentos a favor desta mudança, já que “a paridade de custos está a aproximar-se rapidamente para os veículos elétricos, em oposição aos veículos de combustão interna”. Acrescenta ainda que, sobretudo quando se trata de frotas comerciais, “estamos no ponto de inflexão para muitos, pois o Custo Total de Aquisição já está em paridade, ou até melhor posicionado”.

Maior exploração da energia solar

Calcula-se que, com a necessidade de se reduzir o consumo de energia primária e a consequente aposta na eficiência energética, com destaque para as energias de fonte renovável, a produção de energia solar será a tecnologia que apresentará um dos maiores crescimentos na próxima década. “Portugal é de facto dos países europeus com maior radiação solar e com um enorme potencial por explorar. Se, no início da década passada, a energia solar centralizada registou alguma expansão, a verdade é que a falta de enquadramento regulatório acabou por estagnar o seu crescimento”, quem o diz é Miguel Fonseca, administrador da EDP Comercial. Acredita, porém, que “a definição de enquadramento regulatório e a forte redução de custo deverão levar a uma aceleração desta tecnologia na próxima década”.

Reunião de vontades

Um estudo apresentado recentemente pela consultora Deloitte (Climate Pulse Survey 2021) revelou que a maioria dos líderes empresariais do mundo estão “preocupados” ou “muito preocupados” com as alterações climáticas, e consideram que é urgente agir. E muitos há que já o começaram a fazer e a revelar que se trata de uma aposta ganha, pois, à medida que os custos com a tecnologia diminuem e se alcançam ganhos adicionais de eficiência, os seus projetos empresariais tornam-se mais lucrativos e competitivos. Aqui reside a importância de reunir no mesmo espaço líderes e corporações de todo o mundo, para discutir os princípios e práticas vencedores, que estão efetivamente a acelerar a transição energética. Esta tarde, essa reunião será promovida pela EDP Comercial num fórum a realizar online e intitulado “EDP Business Summit 2021 – Leaders and Corporations committed to the Energy Transition”. A não perder. Faça já a sua inscrição gratuita para a assisitr ao evento.

Acompanhe a conferência no dia 17 de junho | Inscreva-se Agora
EDP Comercial
EDP Business Summit

Líderes e empresas comprometidos com a transição energética

Saiba Mais